Polissonografia Domiciliar

Polissonografia Domiciliar

A Polissonografia é o método de escolha para o diagnóstico das alterações relacionadas ao sono.
Os exames de polissonografia consistem na monitorização e registro de vários parâmetros biofisiológicos de um paciente. É o registro simultâneo, durante o período noturno de sono, através de eletrodos e sensores, das seguintes variáveis: eletroencefalograma (EEG), eletroculograma (EOG), eletromiograma mentoniano (EMG), movimentos do tórax e do abdome, movimentos corpóreos e de pernas, fluxo aéreo, eletrocardiograma (ECG), roncograma, saturação da oxi-hemoglobina, entre outras. A polissonografia domiciliar pode ser tipo 2 ou tipo 3.

 

Tipo II – polissonografia completa, como no laboratório do sono. A diferença é que ela não tem a monitorização do técnico durante a noite.

 

Tipo III – é realizado por meio de um dispositivo pequeno com poucos acessórios: a cânula no nariz para avaliar a respiração e o ronco, o sensor no dedo, e a faixa no tórax para registrar os movimentos da respiração. O exame que pode ser feito para diagnóstico e casos de alto risco de apneia, e serve como triagem. Não necessita do técnico para a montagem do aparelho.

Open chat